Casa do Apostador Carregando...
Revelações no MMA Parte 3: Kyler Philips e Islam Makhachev
sex 02 jul/21

Revelações no MMA Parte 3: Kyler Philips e Islam Makhachev


Islam Makhachev 

Islam nasceu em Makhachkala , Daguestão ASSR de etnia Lak . Ele treinou e competiu no sambo de combate . Cresceu com Khabib Nurmagomedov e ainda treina com ele até hoje na academia AKA.  

 No Campeonato Mundial de Sambo de Combate de 2016, ele ganhou uma medalha de ouro, na partida final ele ganhou por 7-0 sobre Valentin Benishev da Bulgária .  

Daguestão 

Tenho uma teoria, pra mim a região da eurásia que pega alguns países da Europa e da Asia, entre eles a Russia e a China, vai dominar o UFC num espaço entre 10, 15 anos. Os caras são muito bons, tem uma base esportiva muito forte (olímpica), creio que eles dominarão o cenário, incluindo os EUA e nós brasileiros (salvo algum fenômeno, pois no Brasil sempre nasce lutador bom) ficaremos para trás. Amanda deve aposentar com o cinto: não vejo substituta, Do Bronx não deve segurar o título por muito tempo e teremos um “sonoro” hiato, com essa galera tomando tudo, não deixando nada para atrás. 

19 – 1 

Islam tem um cartel de 19 – 1. Não é uma revelação, mas tenho certeza absoluta que quase ninguém o conhece no cenário do UFC. 9 do ranking dos leves, Makhachev tem 3 KOs, 8 submissões e 8 vitórias por pontos. Realmente a similaridade com o Khabib não fica só na religião e na região onde nasceram. Ambos tem um wrestling impecável, um cardio infinito e uma trocação que deixa a desejar, mas não compromete. Khabib, de fato é um atleta superior e tem mais queixo. Islam teve seu único revés na carreira para o brasileiro Adriano Martins, mas em outubro de 2015. Pela inexperiência, levou um “pombo” de contra golpe de encontro quando estava de guarda baixa e desligou.  

Porém, desde então enfileirou 7 seguindos, sendo o último um striker da pesada, Drew Dober, que protagonizou a luta da noite contra Brad Riddel em junho de 2021. Em sua ultima luta, Makhachev deu show de grappling, quedando Dober de single, kosotogake, ouchi, kouchigari, passeando nas transições, parecia uma jibóia, como Khabib, finalizando num belíssimo triangulo de mão  no início do 3R.  

Título? 

Islam é um atleta que se tiver um bom casamento de lutas daqui para frente, por que não, pode sonhar com uma disputa de título.   

Askar Askarov 

9 de outubro de 1992, nasceu no Daguestão. É um lutador russo de artes marciais mistas, atualmente competindo no peso mosca do Ultimate Fighting Championship. 

Askarov nasceu surdo, e apesar de sua audição ter melhorado com os anos, ele consegue ouvir apenas 20% do que a maioria das pessoas. Ele representou a Rússia no time nacional de wrestling para surdos. 

 Carreira no MMA  

Askarov fez sua estréia no MMA profissional em Julho de 2013. 

Em 2016, ele se tornou o primeiro campeão peso mosca do ACB ao derrotar José Maria Tomé por  finalização no quinto round. Ele defendeu o cinturão duas vezes contra Anthony Leone e Rasul Albaskhanov antes de vagar o cinturão pra assinar com o UFC.  

Talento 

 Askar Askarov é um craque. Tem apenas 4 lutas no UFC, apesar de figurar como 2 do ranking dos moscas (56kg). Seu primeiro adversário foi nada menos que Brandon Moreno, atual detentor do cinturão do UFC, em 21 de setembro de 2019, e a luta foi empate: tem pedigree.  

Hoje, na minha modesta opinião, hoje, ele está a frente do campeão. Certamente será uma luta de +EV, numa disputa pelo título.  

Wrestling 

Askarov tem um wrestling nível A e uma trocação excepcional, um footwork com bastante deslize, explode bem e gira muito rápido na defesa de quedas e tem um gás, como de praxe, que se mantém em ritmo alto  nos 3R. Seu caminho teve, além do campeão: Tim Elliot – décimo do ranking; Benavidez – quinto do ranking e Alexandre Pantoja (3). 

É um atleta que veremos em breve, salvo algum deslize ou imprevisto, disputando o título.  É bom ficar de olhos bem abertos.   

Kiler Phillips  

É um lutador de artes marciais mistas americano que compete na divisão de peso galodo Ultimate Fighting Championship. Em 9 de março de 2021, ele era o 14º no ranking dos pesos galos do UFC.  

Gracie 

Aos 3 anos de idade, o pai de Phillip o levou para a Gracie Academy em Torrance, Califórnia, onde ele desenvolveu o amor pelas artes marciais. Aos 12 anos, Phillips participou de lutas de pankration e fez sua primeira luta de MMA aos 16. Ele é faixa preta Carlson Gracie BJJ e faixa preta/vermelha Nikidokai sob o comando do grande mestre Hanshi Nico. Entre algumas outras realizações de Phillips estão a faixa-azul de campeão mundial de jiu-jitsu da IBJJF (2012), campeão de judô do estado da Califórnia (2010) e campeão de luta livre da Califórnia Southern Section (2013). 

“Velho” conhecido 

Kyler Philpps, conheço bem. Lutou contra um atleta meu, Gabriel Silva em 29 de fevereiro de 2020 e o venceu por pontos. Foi sua luta de estréia no UFC, venceu por pontos sendo superior tanto na parte da trocação, quanto no grappling toda a luta.  

Mixed 

Ele mistura muito bem a parte em pé o Karatê, o boxe e o kickboxing. Joga bem na longa distancia, muito técnico e faz muito bem as transições para o grappling, seu cartel é 9 – 1, venceu as 3 lutas no UFC, inclusive a que entrou como zebra 2.45 contra Yadong Song, que vinha do Hype de ter vencido Marlon vera por pontos. Aproveitei para atochar 3 unidades nele, sem medo de ser feliz.  

Top 5 

É um atleta que figurará entre os top 5 da categoria dentro em breve.  

Até mais! 

Continue estudando sobre apostas

Inscreva-se na minha lista VIP para receber conteúdos de apostas profissionais exclusivos. 

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

News.
vip

Inscreva-se gratuitamente e receba conteúdo profissional e esclusivo por e-mail!