Casa do Apostador Carregando...
As maiores promessas do UFC
seg 07 mar/22

As maiores promessas do UFC


O MMA cresce a cada dia e com isso temos novos talentos surgindo a todo momento. Preparamos uma lista dos lutadores mais promissores atualmente, aqueles que em algum momento devem chegar a um top 5 ou disputa de cinturão. Olho neles!

Peso mosca

Jake Hadley

Jake Hadley ainda não lutou pelo UFC mas impressionou no Cage Warriors e Reality Show “Dana White Contender Series”, onde finalizou Mitch Raposo e conquistou seu contrato.. Ele está invicto no MMA profissional, com 8 vitórias em 8 lutas. Tem um ótimo jiu-jitsu e vem evoluindo sua trocação a cada luta. O inglês tem 25 anos.

 Muhammad Mokaev

Outro inglês invicto que ainda não estreou pelo ultimate, mas impressionou no Brave e no Celtic Gladiator. Com um wrestling afiadíssimo, é mais um lutador para ficar de olho. São 6 vitórias em 6 lutas profissionais. No MMA amador são 23 vitórias em 23 lutas! Vale lembrar que Mokaev tem apenas 21 anos.

 

 Jeff Molina

Com duas lutas e duas vitórias no UFC, o americano Jeff Molina vem impressionando com uma trocação afiada. Ele possui 10 vitórias e 2 derrotas na carreira, ambas as derrotas ainda em 2017. Tem apenas 24 anos e muito a evoluir. No UFC venceu Qileng Aori por decisão e Daniel Lacerda por nocaute.

 

Peso galo

Jack Shore

Lutador de País de Gales, está invicto, com 15 vitórias em 15 lutas. É um lutador completo, como podemos ver em seus quatro nocautes e oito finalizações no cartel. Tem 4 lutas no UFC, vencendo Nohelin Hernandez e Aaron Phillips por finalização, Hunter Azure e Liudvik Sholinian por decisão dos juízes. Hoje tem 27 anos.

 

Sean O’Malley

O americano Sean O’Malley está nessa lista há quase 5 anos e ainda não chegou ao topo, mas aos 27 anos tem muito tempo para alcançar seus objetivos. Com 15 vitórias e 1 derrota na carreira, derrota esta que veio por uma contusão, O’Malley vem enfileirando vítimas: suas últimas 5 vitórias vieram por nocaute. No UFC venceu Raulian Paiva, Kris Moutinho, Thomas Almeida, Eddie Wineland e José Alberto Quiñonez por nocaute, além de vencer Andre Soukhamthath e Terrion Ware por decisão. Sua derrota veio para Marlon Vera, quando contundiu seu pé.

 Yadong Song

O chinês de 24 anos é o mais experiente da lista. São 23 lutas, com 18 vitórias e 5 derrotas, mas apenas uma dessas aconteceu depois de 2016! Dono de uma trocação afiada, venceu 7 adversários no UFC, perdendo apenas para Kyler Phillips e empatou com Cody Stamann. Em suas vitórias mais importantes estão Marlon Vera, Casey Kenney e a mais recente, um nocaute em Julio Arce. Ele tem luta marcada contra o brasileiro Marlon Moraes no dia 12 de março.

 

 Peso pena

 Ilia Topuria 

O espanhol de 25 anos tem impressionado em suas performances. É um lutador completo, que já tem três lutas no UFC, vencendo Youssef Zalal por decisão na estreia, e nocuteando no primeiro round Damon Jackson e Ryan Hall em suas últimas lutas. Invicto, possui 11 vitórias, sendo 3 delas por nocaute e 7 por finalização.

 

 Movsar Evloev 

O russo de 28 anos estava escalado para enfrentar Ilia Topuria em janeiro, mas se machucou e a luta foi cancelada. Também invicto, com 15 vitórias em 15 lutas, é dono de um wrestling de alto nível (como a maioria dos lutadores russos) e apesar de ter vencido as 5 lutas que fez no UFC por decisão, foi dominante em praticamente todas (exceto uma luta duríssima contra Nik Lentz). Está escalado para enfrentar Dan Ige em 4 de junho.

 

 Pat Sabatini 

Com 31 anos e muito menos hype que os lutadores acima, o americano Pat Sabatini estreou no UFC em 2021 e foi um dos poucos atletas a vencer três lutas no ano passado. Com 10 finalizações na carreira, tem demonstrado um jiu-jitsu de alto nível e um psicológico excelente, como mostrou em sua luta contra Jamal Emmers, onde sofreu um knockdown e mesmo desnorteado conseguiu encaixar uma belíssima chave de calcanhar para vencer a luta. São 16 vitórias e 3 derrotas na carreira. Vai enfrentar Gavin Tucker no dia 9 de abril.

 

 Peso leve

Arman Tsarukyan 

Aos 25 anos, o russo Arman Tsarukyan vem impressionando a cada luta. São 5 vitórias em 6 lutas no UFC, com dois nocautes nas duas últimas lutas, contra Christos Giagos e Joel Alvarez. Sua derrota veio para o top contender Islam Makhachev, algo totalmente normal. São 18 vitórias e 2 derrotas na carreira, e um jogo cada vez mais completo, com ótima trocação e wrestling, e finalizações fortes.

 Paddy Pimblett 

Acredito que seja o pior lutador da lista, mas o inglês de 27 anos, Paddy Pimblett sabe vender suas lutas e acaba criando um hype em torno dele. São 17 vitórias e 3 derrotas na carreira, a última em sua estreia no UFC, quando nocauteou o brasileiro Luigi Vendramini no 1º round. Tem luta marcada contra Rodrivo Vargas em 19 de março.

 

 Peso meio-médio

Khamzat Chimaev

Impossível fazer uma lista de promessas sem mencionar o maior hype do momento. O russo radicado na Suécia não só tem 10 vitórias em 10 lutas, aos 27 anos, como tem dominado completamente seus adversários. É o lutador que menos sofreu golpes nas 4 primeiras lutas no UFC. Nessas 4 lutas, foram 2 nocautes e 2 finalizações, sendo 3 dessas vitórias ainda no 1º round. Vai enfrentar o maior desafio da carreira no dia 9 de abril, quando luta contra o brasileiro Gilbert Burns. Será que o hype acaba?

 

 Shavkat Rakhmonov

Junto com Chimaev acredito que seja a maior promessa do evento, infelizmente ambos estão na mesma categoria. O cazaque Shavkat Rakhmonov tem 27 anos, 15 vitórias em 15 lutas com 8 nocautes e 7 finalizações. Apenas uma luta chegou ao terceiro round. No UFC são 3 vitórias, com 1 nocaute e 2 finalizações, apresentações que com certeza colocaram a categoria em alerta. Sua última vitória foi contra outro lutador que estaria nessa lista, Carlston Harris, mas o domínio foi tão grande que não há como mantê-lo.

 

 Ian Garry

Assim como diz seu apelido (The Future), Ian Garry é a esperança de um novo ídolo da Irlanda, após a decadência de Conor McGregor. Com apenas 24 anos, são 8 vitórias em 8 lutas e uma estreia no UFC com nocaute no 1º round, contra Jordan Williams. Ele tem luta marcada contra Darian Weeks no dia 9 de abril. Fez sua carreira no Cage Warriors, onde nocauteou a maioria dos adversários.

 

 Peso médio

André Muniz

A categoria dos médios é a mais “envelhecida” do plantel do UFC e isso não é de hoje: desde Anderson Silva, nunca tivemos grandes nomes, com exceção do atual campeão, Israel Adesanya. Com isso, devemos considerar alguns lutadores mais velhos como promessas, visto que o MMA é um esporte em que o auge chega depois dos 30 anos, e é o que acontece com André “Sergipano”. Dono de um jiu-jitsu excepcional, vem de 8 vitórias seguidas, sendo 4 por finalização. Ainda não perdeu no UFC, vencendo as 4 lutas que fez. Vale lembrar que sua última derrota foi para Azamat Murzakanov, que foi contratado recentemente pelo UFC como peso pesado, duas categorias acima. Tem luta marcada contra Uriah Hall no dia 16 de abril.

Alex Pereira

Alex Poatan Pereira é o lutador mais velho dessa lista, com 34 anos. Com um cartel impressionante no kickboxing, incluindo duas vitórias sobre Israel Adesanya, atual campeão do UFC, Alex fez bem sua transição para o MMA. Apesar de perder sua primeira luta profissional, venceu as quatro seguintes e é apontado como uma real ameaça para o nigeriano Adesanya. Estreou no UFC em novembro de 2021 e nocauteou Andreas Michailidis com uma linda joelhada voadora. No dia 12 de março vai enfrentar o maior desafio da carreira, o também brasileiro Brundo “Blindado” Silva, que vem de 3 lutas e 3 nocautes no UFC. Olho nessa luta, pois Blindado também é uma real ameaça a Israel Adesanya.

 

 Dricus Du Plessis

Sul-africano de 28 anos, Dricus du Plessis tem impressionado no UFC. São 2 vitórias, ambas por nocaute. Na carreira, vencey 16 lutas e perdeu apenas duas, uma delas em 2014! Sua outra derrota foi para o campeão do evento polonês KSW, Roberto Soldic, em uma revanche. Acredito que podemos ver a trilogia Soldic vs. Du Plessis no UFC ainda. Ele tem luta marcada contra Chris Curtis (que vem surpreendendo a todos, venceu as 2 lutas no UFC onde era zebra de odds maiores que 4, e deve vir por aí novamente), no dia 9 de abril.

 

Nassourdine Imavov 

 

O francês Nassourdine Imavov tem 27 anos e um cartel com 11 vitórias e 3 derrotas. No UFC são 3 vitórias e 1 derrota, para Phil Hawes. É notória a sua evolução nas últimas lutas, vindo de dois nocautes dominantes contra Ian Heinisch e Edmen Shahbazyan. Será testado contra o veterano Kelvin Gastelum no dia 9 de abril.

Peso meio-pesado

Jiri Prochazka

Aos 29 anos, o tcheco Jiri Prochazka é o lutador mais próximo de um cinturão de toda a lista: vai enfrentar o brasileiro Glover Teixeira no dia 11 de junho, e vencendo se tornará o campeão da categoria dos meio-pesados. Dono de um estilo único (visualmente e esportivamente), tem golpes nada ortodoxos e com isso pode surpreender seus adversários, como em sua última vitória, um nocaute com cotovelada giratória em Dominick Reyes. Glover precisa levar o tcheco para o chão rapidamente ou terá sérios problemas.

 

 Magomed Ankalaev

Mais um russo, aos 29 anos, Magomed Ankalaev está em busca do cinturão dos meio-pesados e enfrenta o brasileiro Thiago “Marreta” Santos no dia 12 de março. Nocauteador, Ankalaev tem 15 vitórias e 1 derrota na carreira, derrota que veio no último segundo de uma luta que dominou, contra Paul Craig. São 7 vitórias consecutivas, 4 delas por nocaute.

 

 Tafon Nchukwi

Camaronês de 27 anos, Tafon Nchukwi tem 6 vitórias e 1 derrota na carreira profissional. Essa derrota, para Da Un Jung, veio na base do wrestling e da experiência, algo que Nchukwi pode e deve evoluir. Tem uma trocação afiadíssima e é um bom nome para o futuro. Vai enfrentar o invicto Azamat Murzakanov no dia 12 de março.

 

Peso pesado

Tom Aspinall

O inglês de 28 anos tem 4 vitórias por nocaute em 4 lutas no UFC, 3 delas ainda no 1º round. Tem se mostrado um atleta completo e rápido para a categoria. Ele enfrenta o russo Alexander Volkov no dia 19 de março, em busca do top 5 do peso pesado.

 

 Ciryl Gane

Apesar da derrota na disputa do cinturão linear em janeiro, para Francis Ngannou, não podemos descartar o francês de 31 anos, Ciryl Gane. Dono de um estilo único na categoria, Gane tem trocação rápida, jogo de clinch forte e boas finalizações. Já foi campeão interino do UFC e vencia sua disputa de cinturão até o terceiro round, quando Ngannou encontrou a falha na defesa de quedas do francês e o derrubou nos 3 rounds finais para virar a luta. Gane tem tempo para corrigir essas falhas e ser campeão. São 10 vitórias e apenas a derrota contra Ngannou na carreira.

 

Alexander Romanov

O moldávio Alexander Romanov tem 31 anos e possui um cartel invicto, com 15 vitórias em 15 lutas. No UFC são 4 vitórias e um wrestling muito bom. Acredito que apenas Curtis Blaydes seja melhor nesse quesito atualmente. 

 

Peso palha feminino

Marina Rodriguez

A brasileira Marina Rodriguez já tem 34 anos, mas assim como Alex Pereira veio de outro esporte: ela é campeã brasileira de Muay Thai. São 15 vitórias e apenas 1 derrota na carreira, para a ex-campeã Carla Esparza por decisão dividida. Após a derrota já venceu bons nomes como Mackenzie Dern, Amanda Ribas e Michelle Waterson. Vai enfrentar Xiaonan Yan no dia 5 de março.

 

 Tabatha Ricci

Também brasileira, Tabatha Ricci tem um jiu-jitsu de alto nível. Aos 27 anos perdeu apenas uma luta, sua estreia no UFC, para outra atleta da lista: Manon Fiorot. Essa derrota não mancha a carreira de Tabatha pois foi em uma luta marcada em cima da hora e na categoria de cima. Ela possui 6 vitórias e uma longa trajetória pela frente no UFC.

 

 Peso mosca feminino

 Manon Fiorot

A francesa de 32 anos tem apenas uma derrota na carreira: a estreia profissional contra a ótima Leah McCourt, hoje no Bellator. São 8 vitórias, 6 delas por nocaute, demonstrando sua trocação de outro patamar na categoria. Vejo Fiorot disputando o cinturão em breve, mas para isso terá que passar pela brasileira Jennifer Maia, no dia 26 de março.

 

Casey O’Neill

Australiana de apenas 24 anos, a invicta Casey O’Neill chegou ao UFC atropelando as adversárias: nocautes sobre Antonina Shevchenko e Shana Dobson e finalização sobre Lara Procópio. Sua última luta marcou sua nona vitória em nove lutas, a primeira por decisão no UFC, contra Roxanne Modafferi. 

 

Erin Blanchfield

Com menor hype mas maior preparo físico e psicológico, Erin Blanchfield vem surpreendendo aos 21 anos. A americana possui quedas e um jogo de chão fortíssimo e amassou Miranda Maverick e Sarah Alpar no UFC. São 8 vitórias e 1 derrota na carreira, derrota que veio aos 20 anos contra a experiente Tracy Cortez, por decisão dividida. Faz lutas mais cadenciadas mas seu jogo é extremamente efetivo.

 

 Peso galo feminino

Josiane Nunes

Em uma categoria que estava morta até Julianna Peña derrotar Amanda Nunes, temos apenas uma promessa: a brasileira de 28 anos, Josiane Nunes. Com mãos pesadíssimas, chegou ao UFC nocauteando a invicta Bea Malecki e venceu também Ramona Pascual. São 9 vitórias e 1 derrota na carreira, com incríveis 7 vitórias por nocaute. Sua derrota foi em 2013, para Taila Santos, atleta que disputará o cinturão em sua próxima luta.

 

QUAIS MÉTODOS UM APOSTADOR PRECISA ESTUDAR? 

Esse é um assunto que eu falo muito com meus seguidores, afinal é a base para o investimento esportivo. Por isso, eu separei aqui abaixo alguns conteúdos para você começar a estudar sobre métodos para as apostas esportivas. 

Faça como os 3% dos apostadores lucrativos e comece a se especializar agora mesmo. Por isso, faça parte do meu grupo exclusivo para receber conteúdos de apostas esportivas profissionais. 

 

Escrito por Raphael Brettas

Deixe seu comentário

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

News.
vip

Inscreva-se gratuitamente e receba conteúdo profissional e esclusivo por e-mail!