Casa do Apostador Carregando...
Giannis Antetokounmpo
sáb 07 ago/21

Giannis Antetokounmpo


Quem vê a vida de Giannis Antetokounmpo deve pensar que foi fácil, certo? Mas você já imaginou juntamente com seu irmão vender relógios, bolsas e óculos de sol nas ruas e 6 anos depois estar jogando na NBA? Pois essa é a história do MVP das Finais da NBA 20/21. E com 18 anos e 311 dias fez sua estreia na NBA, sendo um dos jogadores mais jovens da NBA.

O grego fez sua estreia na temporada 2013/2014 na NBA, tendo obtido médias de 6.8 pontos, 4.4 rebotes e 1.9 assistências. Ao final da temporada, ele foi nomeado para a segunda equipe de Novatos da liga norte-americana.

A evolução

Nas temporadas seguintes, Giannis foi evoluindo seus números em todos os fundamentos. A evolução foi tamanha que na temporada 16/17, Antetokounmpo liderou os Bucks em pontos, rebotes, assistências, roubos e bloqueios, tornando-se apenas o quinto jogador da NBA a fazer tal feito depois de Dave Cowens, Scottie Pippen, Kevin Garnett e Lebron James.

Nessa mesma temporada, foi escolhido como titular do All-StarGame (Jogo das Estrelas), tornando-se o jogador mais jovem da franquia Bucks a começar um All-Star Game aos 22 anos e 74 dias de idade, além de ter sido o primeiro grego no Jogo das Estrelas.

Dos seus 6.8 pontos da sua temporada de novato, Giannis pulou suas médias para 22.9 pontos, 8.8 rebotes e 5.4 assistências, vencendo o prêmio de MIP na temporada regular 16/17, sendo o primeiro jogador na história dos Bucks a vencer tal honraria. O prêmio MIP coroa o jogador que mais evoluiu na NBA em relação às últimas temporadas.

Temporada 18/19

Após muita desconfiança por parte de imprensa e torcedores após ter sido selecionado na posição n° 15 do DRAFT, Giannis continuou galgando evolução e aprimoramento dos fundamentos na carreira. Mas apesar de ótimos números, seu time não conseguia ter destaque na Conferência Leste.

Com um desempenho espetacular sendo nomeado o Jogador da Conferência Leste nos meses de outubrom novembro e dezembro, Giannis levou o Milwaukee Bucks à melhor campanha da temporada regular na Conferência Leste e da NBA com 60 vitórias e 22 derrotas, além de uma campanha impecável jogando em casa com 33 vitórias e 8 derrotas.

Após esses números, Giannis foi escolhido o MVP da temporada regular da NBA com médias de 27.7 pontos, 12.5 rebotes, 5.9 assistências, 1.3 roubos de bola e 1.5 tocos, juntando-se a lenda Kareem-Abdul-Jabbar como os únicos jogadores da franquia a vencer tal prêmio. Antetokounmpo tornou-se o terceiro jogador mais jovem a vencer o prêmio de MVP, ficando atrás somente de Derrick Rose e Lebron James.

Após levar o seu time a obter a melhor campanha da Liga, os Bucks chegaram às finais da Conferência Leste, onde a equipe foi derrotada por 4-2 pelo Toronto Raptors que acabou posteriormente vencendo o título da NBA.

Temporada 19/20 – mais um prêmio de MVP

Após mais uma temporada regular excelente, antes da pausa por conta da pandemia de COVID-19, Giannis obteve média de 29.6 pontos, 13.7 rebotes e 5.8 assistências, sendo nomeado novamente o MVP da NBA e Jogador Defensivo do Ano. Dessa forma, o grego se juntou a Michael Jordan e Hakeem Olajuwon como os únicos jogadores da NBA a vencerem ambos os prêmios na mesma temporada.

Novamente, Bucks terminou em 1º na Conferência Leste na temporada regulas. Após o retorno da NBA por conta da pausa da pandemia, os Bucks voltaram jogando de forma inconsistente e por conta disso foram eliminados nas semifinais da Conferência Leste por 4-1, colocando uma interrogação no mundo da NBA se Giannis realmente poderia levar o Milwaukee Bucks e pairando dúvidas sobre a sua capacidade.

Temporada 20/21 – A redenção

Logo no começo da temporada, havia dúvidas sobre o futuro de Giannis na franquia. Ele era alvo do GSW, Lakers e Miami – onde ele poderia se juntar a grandes estrelas e buscar títulos. Mas ele acabou com todas as especulações e assinou um contrato máximo com a franquia de 228 milhões de dólares por 5 anos.

Mas para assinar esse contrato milionário, Giannis exigiu um time mais competitivo. Fazendo o Bucks contratar Jrue Holiday e ao longo da temporada trouxeram o grande defensor PJ Tucker. Ao longo da temporada, Giannis mesmo não brigando pelo MVP obteve ótimos números novamente: média de 28.1 pontos, 11 rebotes e 5.9 assistências, terminando o Bucks na terceira colocação da Conferência Leste.

Logo na primeira rodada dos playoffs, os Bucks enfrentaram o Miami Heat. Equipe que havia eliminado os Bucks na temporada regular. Mas os Bucks não tomaram conhecimento e aplicaram uma varrida de 4-0 na série. Nas semifinais, enfrentaram o poderoso Nets, tendo Giannis obtido médias na série de 31.9 pontos, 12.9 rebotes e 3.6 assistências vencendo a série por 4-3 e avançando pra enfrentar o Atlanta Hawks nas finais de Conferência.

No jogo 4 das finais contra o Atlanta Hawks, Giannis sofreu uma hiperextensão no joelho esquerdo, o que poderia ser o seu adeus da temporada regular e possivelmente ausente por longos meses. Apesar de não ter contado com sua principal estrela, Bucks venceu a Conferência Leste e avançou às finais da NBA para enfrentar o Phonix Suns na final.

Na final, após Suns abrir 2-0 na série, os Bucks viram a série para 4-2 e conquistaram o título após 50 anos de espera. E Giannis? Pra coroar o título da franquia, ele obteve 50pts, 14 rebotes e 2 assistências para levar agora o prêmio de MVP das Finais.

Aos 26 anos, Giannis possui:

  • 1 título da NBA
  • 2 prêmios de MVP da temporada regular
  • 1 prêmio de MVP das finais
  • 1 prêmio de Defensor do Ano
  • E 1 prêmio de MIP.

Nada mal para quem saiu de um bairro pobre na Grécia, né? GIANNIS É GIGANTE!

Veja mais conteúdos de apostas esportivas

Inscreva-se na minha lista VIP para receber conteúdos de apostas profissionais exclusivos. 

 

 

 

 

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

News.
vip

Inscreva-se gratuitamente e receba conteúdo profissional e esclusivo por e-mail!