Casa do Apostador Carregando...
Comportamento humano e análise de dados nas apostas esportivas: conheça mais sobre Ricardo Fulltrader
sex 27 ago/21

Comportamento humano e análise de dados nas apostas esportivas: conheça mais sobre Ricardo Fulltrader


Ciência da computação, enfermagem, coaching e trading esportivo. Muitas profissões já estiveram presentes na vida de Ricardo Fulltrader, um dos maiores influenciadores do mercado de apostas esportivas no Brasil. Foi como enfermeiro que Ricardo, hoje com 39 anos de idade, começou a se profissionalizar como trader esportivo. A associação entre enfermagem e trade pode parecer estranha, mas a história faz sentido.

Como enfermeiro, Ricardo Fulltrader atuou por 10 anos na Secretaria de Saúde do município de Guarulhos, região metropolitana de São Paulo. Na época, a necessidade da prefeitura da cidade de desenvolver um aplicativo de monitoramento na área da saúde para a população fez com que Ricardo tivesse acesso a treinamentos de engenharia de dados e também de programação.

O conhecimento adquirido nesses treinamentos passou a ser uma arma poderosa em suas mãos, e ele acabou utilizando isso nas operações de trading esportivo que fazia na época, algo que mudou a sua relação com essa atividade e o levou ao profissionalismo. Ricardo é um forte defensor da ideia de que as apostas esportivas são cem por cento operações matemáticas. 

Profissionalismo e especialização

Mesmo com diversas fontes de renda, Ricardo se considera um apostador profissional, principalmente porque as apostas esportivas são a sua principal fonte de renda. “Escolhi as apostas esportivas porque elas envolvem dados matemáticos e pela existência de uma lógica por trás do processo, além da liberdade que elas podem me proporcionar”, conta Ricardo.

O começo do Fulltrader nas apostas esportivas, no entanto, foi diferente do padrão. Enquanto muitas pessoas conhecem esse mercado por meio das casas de apostas tradicionais, Ricardo foi inserido direto no meio do trading esportivo. “Muita gente conheceu as apostas por meio de casas de apostas como a Bet365, a Sportingbet, mas eu não. Eu já conheci as apostas pela Betfair. Ou seja, eu já conheci as apostas no modelo de exchange. Esse foi o primeiro modelo que eu fui apresentado e nele eu fui me desenvolvendo”, relata o trader.

A inserção direta no trading não impediu Ricardo de tentar conhecer e atuar no mercado das apostas como punter, algo que ele diz ainda fazer até hoje por influência de alguns companheiros de trabalho. Contudo, o influenciador conta que é realmente apaixonado pelo trading e pelas operações ao vivo. “Na minha opinião, acaba sendo muito mais fácil extrair valor do mercado como trader, podendo operar somente em momentos nos quais eu tenho vantagem, do que trabalhar como punter. Esses detalhes e essas possibilidades me fazem ser apaixonado pelo trading”, revela o apostador.

Entretanto, a sua opção pela especialização no trading e nas operações ao vivo não é somente uma escolha pessoal. A predileção de Ricardo é também baseada em uma metodologia de trabalho que, segundo ele, tem sido bem sucedida. “Escolhi optar mais pelo live em relação ao pré-live por conta de modelos preditivos que eu desenvolvi observando o movimento dos números e o comportamento do jogo traduzido em números no live. Com isso, consegui desenvolver modelos preditivos que realmente são muito bons e me fazem obter vantagem em relação ao mercado”, explica Ricardo Fulltrader.

Qualquer pessoa consegue ser um trader esportivo? 

Apesar de ser um formador de apostadores profissionais, por meio da Fulltrader – sua academia -, Ricardo tem uma opinião muito firme sobre um tema bastante discutido dentro da comunidade das apostas esportivas. Enquanto muitos influenciadores e apostadores do meio defendem a ideia de que qualquer pessoa pode se tornar um apostador, Ricardo faz uma ressalva.

Para ele, os seres humanos nascem com níveis de cognição diferentes. Ou seja, nem todos os humanos conseguem, partindo desse ponto, realizar as mesmas atividades. O principal alerta que Ricardo Fultrader faz em relação ao tema é que algumas pessoas podem não conseguir desenvolver uma visão concreta sobre longo prazo, algo que as impossibilita de se desenvolverem dentro do mercado e obterem sucesso no segmento das apostas esportivas.

“Algumas pessoas não conseguem enxergar o longo prazo. Até mesmo para seguir um grupo de tips, dependendo do nível de cognição da pessoa, ela não vai conseguir seguir e esperar pelo resultado de longo prazo, mesmo que o tipster contratado seja bom”, explica o trader. Para Ricardo, esse tipo de perfil de ser humano é o mesmo que troca constantemente de grupo de tips quando o serviço tem um resultado mensal negativo. E esse tipo de postura seria derivada de uma incapacidade cognitiva de projetar o longo prazo e lidar com a ausência de resultados imediatos.

Objetivos e inteligência financeira nas apostas esportivas

Com mais de 200 mil seguidores nas redes sociais e sendo considerado um dos principais nomes do mercado de trading esportivo do Brasil, Ricardo Fulltrader conta que o seu principal objetivo com as apostas esportivas sempre foi ganhar dinheiro. “O meu principal objetivo com as apostas esportivas é o dinheiro. Se não for para fazer dinheiro, as apostas perdem o sentido. Quanto mais dinheiro eu puder fazer, melhor”, esclarece Ricardo.

No entanto, apesar de ter o dinheiro como um objetivo principal, o trader explica que isso não é tudo. “Acredito que existe uma diferença entre objetivo e foco. O meu objetivo é o dinheiro, mas o meu foco está no processo. Se você focar apenas no dinheiro, vai ter um problema para chegar no seu objetivo, pois virão meses ruins em que você não vai conseguir ganhar dinheiro e então você vai desanimar”, explica o apostador.

Entusiasta dos conceitos de inteligência financeira empregados nas apostas esportivas, Ricardo Fulltrader defende que os apostadores não devem ter apenas uma fonte de renda, principalmente porque dentro do próprio segmento existem diversas formas de ampliar os próprios ganhos. Contudo, mesmo recomendando a ampliação do leque financeiro para além das operações, Ricardo entende que figuras como ele, que atuam diretamente na formação de outros profissionais, precisam também ganhar dinheiro com as apostas para ter credibilidade.

“Eu não poderia ter uma academia como a Fulltrader se eu não fosse trader. Se eu não fizer dinheiro dentro do mercado, eu perco o direito de ensinar. Eu sou um empreendedor dentro do mercado das apostas esportivas, mas eu preciso antes de tudo ser um trader. Eu só posso ensinar algo que eu faço, aquilo que eu sei que funciona”, relata o influenciador.

Questionado sobre a possibilidade de viver somente do trading esportivo, algo tido como um sonho por muita gente, Ricardo é enfático ao não aconselhar as pessoas a se limitarem desse jeito. “Financeiramente é uma burrice ter apenas uma fonte de renda. E isso não tem a ver com o trading. Se você for médico e viver apenas de uma clínica médica, isso também é uma burrice. Se você for um advogado e viver apenas do seu trabalho advogando, isso também é uma burrice. O mesmo serve para outras profissões. Hoje, por conta das novas tecnologias e da internet, que proporcionam um acesso muito rápido e fácil a tudo, ter apenas uma fonte de renda financeiramente falando é uma burrice”, enfatiza o apostador.

O caminho financeiro mais correto para um apostador, segundo Ricardo Fulltrader, seria diversificar as fontes de renda, seja com as apostas ou com outras atividades. Para ele, viver somente do trading esportivo é muito difícil, principalmente por ser uma renda variável e com constantes variâncias negativas. “Se você tem outras fontes de renda, que te deixam tranquilo para tomar decisões, isso acaba te dando vantagem, pois não vai existir desespero por fazer apostas e nem uma forçação da sua gestão de banca”, aconselha Ricardo. 

Comportamento humano, análise de dados e coaching 

Talvez um dos grandes diferenciais de Ricardo Fulltrader dentro do segmento das apostas esportivas seja a sua abordagem em cima de temas complexos e incomuns nas discussões do dia a dia dos apostadores. Conceitos de coaching e conhecimentos sobre o comportamento humano são alguns desses temas “impopulares” que Ricardo costuma explorar em seus conteúdos.

Para o trader, esse tipo de abordagem não é uma tarefa fácil. “Infelizmente é desgastante falar sobre isso com o público apostador. A maioria das pessoas que compõem a grande massa das apostas esportivas não liga pra isso, são pessoas que só querem a tip, o bilhete pronto e só. Elas querem saber em qual lugar devem fazer a aposta e quanto devem apostar. Querem um checklist”, desabafa o trader.  

Ricardo afirma que segue abordando esse tipo de tema porque existem pessoas interessadas, mesmo que seja um público pequeno. “É um tema de fácil entendimento para quem está querendo compreender”, diz Ricardo. Entender o comportamento humano, na opinião do trader, está diretamente ligado ao processo de tomada de decisão e interpretação da realidade. Ou seja, o jeito como olhamos para uma planilha, lemos um dado ou analisamos um jogo tem a ver com a forma como nós nos comportamos como seres humanos. E isso tudo é parte importante dos processos que compõem as apostas esportivas.

“Se eu sou um cara muito ansioso na minha vida, eu também serei um apostador ansioso. Se eu sou um cara que promete fazer uma coisa e não faço, eu também vou repetir esse comportamento nas apostas esportivas. A grande diferença entre as pessoas que estudam o comportamento humano e as pessoas que não estudam é que o cara que estuda sabe disso. Ou seja, ele sabe os desafios que tem de enfrentar”, explica o Fulltrader.

Outro tema bastante polêmico que costuma ser abordado por Ricardo Fulltrader em suas produções de conteúdo é a percepção de que tudo dentro das apostas esportivas tem a ver com matemática e análise de dados. “Matemática é tudo nas apostas esportivas. Se você não conseguir transformar a sua análise subjetiva em dados e validar isso, vai ser só a sua opinião. E opinião, para mim, não tem vez nas apostas esportivas”, conta Ricardo.

Em relação ao coaching e a sua atuação nessa área, algo também incomum dentro do segmento das apostas esportivas, o trader relata que não costuma se afetar com as críticas que recebe por abordar conceitos dessa profissão dentro das apostas. Para Ricardo, é fácil lidar com os comentários pejorativos, pois ele conseguiu construir a vida que sempre quis e alcançar o sucesso profissional que sempre sonhou. “Eu não ouço a crítica construtiva de quem nunca construiu nada na vida”, revela o apostador.  

Além de se mostrar bastante seguro quanto ao seu próprio trabalho, Ricardo foi além e analisou os motivos que levam as pessoas a olharem com desconfiança para os coachs. “Eu entendo porque a profissão de coach acabou se tornando piada. Muita gente que se diz coach não tem resultado algum. É gente que fez um curso pela internet, de qualquer jeito, estudou por uma semana e agora sai por aí afirmando que é coach. Muitas dessas pessoas não conseguem nem dar conta da própria vida”, explicou o coach.

O futuro das apostas esportivas no Brasil

 

Com a regulamentação das apostas esportivas caminhando a passos largos em Brasília, Ricardo Fulltrader acredita que esse processo de legalização será benéfico para o Brasil, principalmente em relação ao desenvolvimento do mercado. “Sou completamente a favor da regulamentação das apostas esportivas no Brasil. Nós precisamos crescer e para isso temos que seguir as leis. Vamos poder ter coisas legais e interessantes no Brasil quando sair a regulamentação”, afirma o trader.

Contudo, mesmo sendo bastante favorável à regulamentação das apostas esportivas em território brasileiro, Ricardo levanta um ponto de discussão e demonstra um pouco de temor quanto ao jeito que as casas de apostas estão adentrando em nosso país e o impacto desse processo de popularização no público brasileiro.

“Como produtor de conteúdo e influenciador, e por ter mais de 200 mil pessoas me acompanhando, eu recebo muitos pedidos de ajuda. Espero estar errado, mas tenho a certeza de que a invasão das casas de apostas no Brasil e o jeito com que algumas delas vem desenvolvendo as suas estratégias de marketing, contratando alguns pseudos influenciadores que não tem responsabilidade alguma com nada, pode acabar ferrando a vida de muitos apostadores brasileiros que não conhecem a matemática por trás do processo. Infelizmente, acredito que muitas famílias podem ser prejudicadas com isso”, constata Ricardo.

Uma forma de tentar amenizar essa situação e combater os iminentes problemas que a regulamentação das apostas esportivas podem trazer aos brasileiros, segundo Fulltrader, passa por um maior engajamento da comunidade das apostas na produção de conteúdo e na divulgação de formas corretas de apostar. Por isso, ele decide fazer um apelo aos profissionais que trabalham de forma séria no segmento. “Produzam conteúdo. Criem contas no Instagram, no Youtube, no Telegram e em outras redes. Mostrem para essas pessoas como elas podem ganhar dinheiro de verdade com as apostas esportivas”, pede o trader.

Bate-Bola com Ricardo Fulltrader 

Uma profissão?

Nenhuma. Eu não gosto mais de falar sobre profissões. Acredito que as pessoas precisam aprender a resolver problemas e focar nisso.”

Um sonho?

“Ter duas filhas. Duas meninas. Em breve esse sonho será realizado.”

Um medo?

“De morrer. Cara, eu tenho muito medo de morrer. Confesso. Quando eu fico doente, eu tenho medo de morrer. Fico tenso. Tenho medo da morte porque eu quero sempre ter uma vida incrível.”

Um mercado?

“Match Odds. Operar back no ínicio do jogo, no primeiro tempo, com certeza!”

Um jogo memorável?

“O jogo da Champions em que o Barcelona virou contra o PSG. Eu sou santista – e o Neymar estava no Barcelona -, então eu torço para o Neymar. Para mim, o Neymar foi uma peça chave naquele jogo em que o Barcelona precisou virar um jogo muito difícil e conseguiu. Aquele foi um dos jogos mais memoráveis que eu acompanhei.”

Youtube ou Instagram?

“Instagram. Hoje, Instagram.”

Coach ou trade? 

“Os dois estão ligados. Mas, respondendo, coach. Trading é uma atividade matemática e que eu gosto demais de fazer, mas o comportamento humano, entender as pessoas, entender como o cérebro humano funciona é a base de tudo. Se você consegue entender o comportamento das pessoas, você consegue fazer qualquer coisa na vida.”

Promoção para os leitores

 Como uma forma de agradecimento aos leitores do Portal Arena, Ricardo Fulltrader ofereceu um desconto de R$ 600 no acesso de 1 ano aos produtos da sua academia de apostas, a Fulltrader, um local de formação profissional para apostadores. A empresa do nosso entrevistado é uma das principais fornecedoras de ferramentas para apostadores no Brasil. Contando com mais de 20 mil alunos, a Fulltrader oferece treinamentos e ferramentas como bancos de dados, scanners de jogos em tempo real, softwares de leitura de jogos no pré-live e simuladores de trading. Para ter acesso ao desconto, os interessados devem acessar este link: https://pay.hotmart.com/T41728326J?off=zb0r4ica

Redes sociais

Para acompanhar o nosso entrevistado nas redes sociais, basta acessar os links abaixo. Ricardo Fulltrader pode ser encontrado no Instagram (https://www.instagram.com/fulltrader/), no Youtube (https://www.youtube.com/fulltrader) e também no Telegram (https://t.me/FulltraderTelegram).

Sérgio Ricardo Jr.

 

Aprender gratuitamente sobre apostas esportivas 

Aproveite o material gratuito do meu blog e canal do Youtube para estudar mais. Separei ótimos temas para você começar. 

 

Faça como os 3% dos apostadores lucrativos e comece a se especializar agora mesmo. Por isso, faça parte do meu grupo exclusivo para receber conteúdos de apostas esportivas profissionais.

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe seu comentário

8 Comentários

  • Caio Renzo disse:

    Vou ler tudo de noite, mas vindo do Lindão já sei que é conteúdo de primeira!
    Sou um dos alunos da FullTrader, simplesmente insano demais tudo que tem dentro da comunidade, sou muito grato ao Ricardo por estar mudando minha vida. Além de falar sobre apostas, sempre traz conteúdos recentes e relevantes á vida adulta, indica livros e sinto que estou evoluindo financeiramente e humanamente.

  • Gian Marcos Schnorr disse:

    Ricardo é nota 1000. Ele é sua equipe fazer o possível para nós alunos adquirir o máximo de conhecimento. Tenho orgulho em dizer que sou aluno da Fulltrader.

  • Leonardo Martins Silveira disse:

    Eu sou fã do Ricardo, que cara sensacional ????????, em breve estarei na comunidade ????????, se eu ganhar o sorteio hoje do pix eu nem quero pix kkkk quero o acesso na comunidade!!!

    Conhecimento não tem preço, isso ninguem te tira!!

    Abraços!!

  • Marcos Andrade disse:

    Dos grandes Traders, o Ricardo Santos foi o último a seguir,sempre via aquele barbudo de toca, achava que era mais um louco.Hoje faço parte da Comunidade Full Grana e com certeza foi o melhor investimento que fiz.Obrigado lindão.

  • JEAN CARLOS DE MELLO LIMA disse:

    Só tenho a agradecer o Ricardo e equipe fulltrader, parabéns pelo excelente trabalho.

  • Gustavo tormin disse:

    Ricardo é para mim a maior referência no mercado das apostas esportivas. Possui um vasto conhecimento além de uma pessoa simples e sempre disposta à ajudar a todos.

  • Arnaldo Santana disse:

    O que dizer de RicardoFULLTrader? um cara super talentoso, um trader de sucesso e acima de tudo um ser humano extraordinário, agregador e um homem de visão, não só na aposta esportiva mais também como empreendedor! desejo muitos anos de vida, saúde, paz e muita sabedoria para ele! quem tiver a oportunidade de acompanhar-lo verá.

  • Beto Ferrari disse:

    SENSACIONAL, SUPER COMPETENTE! PARABÉNS!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

News.
vip

Inscreva-se gratuitamente e receba conteúdo profissional e esclusivo por e-mail!